Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C
Depois
Depois
Máx C
Mín C

Ministério da Saúde dá garantias à Câmara Municipal que os utentes de Sesimbra irão integrar a área de influência do Hospital do Seixal

Hospital seixal sesimbra area influencia 1 1024 2500

O presidente da Câmara Municipal de Sesimbra, Francisco Jesus, esteve hoje (2.07) reunido com o ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes, e com o Conselho Diretivo da Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo, para esclarecer a adenda ao acordo do Hospital do Seixal, conhecida na última semana, que prevê a saída do município de Sesimbra da área de influência direta deste equipamento.

Perante os argumentos apresentados pelo presidente da Câmara Municipal, que fez um historial detalhado do processo e dos serviços de saúde no concelho, o ministro da Saúde confirmou o pleno direito dos utentes do município de Sesimbra a integrarem a área de influência da nova estrutura hospitalar.

Não obstante a possibilidade atual do Sistema de Livre Circulação de Utentes ao SNS, o ministro garantiu que durante esta fase irá, em conjunto com a autarquia, reavaliar e reorganizar os atuais moldes do Agrupamento de Centros de Saúde da Arrábida, de forma a que, ou se garanta que os Centros de Saúde de Sesimbra possam estar referenciados para o novo Centro Hospitalar Garcia de Orta, onde se inclui o Hospital de Proximidade do Seixal, ou se assuma uma alteração aos atuais Agrupamentos dos Centros de Saúde, garantindo que a população fique servida da melhor forma, em termos de resposta, dando inclusive indicações à Administração Regional de Saúde para iniciar este processo.

Centros de Saúde de Sesimbra e Quinta do Conde

Neste encontro, Francisco Jesus levantou a questão do novo Centro de Saúde de Sesimbra, cujo projeto está praticamente concluído, dando nota de que a autarquia está a envidar todos os esforços para que o concurso público possa ser lançado até ao final de 2018, e abordou a situação do Centro de Saúde da Quinta do Conde. A este respeito, estabeleceu-se um compromisso com a ARSLVT para se iniciar um estudo e programa funcional para que se possa avançar rapidamente para a solução de uma nova unidade de saúde na Quinta do Conde, dando resposta a uma necessidade urgente da população desta freguesia, para a qual a Câmara Municipal manifestou total disponibilidade em colaborar.

2018/07/02

Município de Sesimbra © 2015-2018 | Todos os direitos reservados