Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C
Depois
Depois
Máx C
Mín C

G.R.E.S. Unidos de Vila Zimbra

Grupo Recreativo Escola de Samba Unidos de Vila Zimbra

viila-zimbra

Samba Enredo  - “ Se correr o bicho pega, se ficar o bicho come…”

Sinopse

Nesta dinâmica de incertezas e insatisfação, a Vila tenta contar um enredo de moral da história.

Qual será a moral da história deste Enredo? Se correr o bicho pega, se ficar o bicho come, é uma citação muito utilizada quando estamos indecisos, muito parecida até com “Preso por ter cão e preso por não ter”, não só na sombra da dúvida, mas também na sombra da inércia e da falta de coragem e a culpa é sempre dos outros.

A dúvida assusta, e a opção é difícil, e a culpa será sempre de alguém pela minha escolha. Cada pessoa tem os seus próprios bichos.

No nosso dia-a-dia, quer em situações quotidianas, quer no nosso trabalho quer mesmo na situação sociopolítica da sociedade, nos deparamos com banquetes de abutres, só para alguns, marionetes na mão misteriosa do poder seja ele politico ou quem sabe cultural ou religioso, e quantos de cabeça perdida em busca da solução.

Inseguranças, medos e incertezas são comuns a qualquer pessoa. O que não é comum é a resposta que cada um resolve dar e como a pessoa se vai relacionar com estas questões. Há pessoas que vão ultrapassar estes conceitos transformando inseguranças em seguranças, transformando medos em atitudes e transformando incertezas em certezas. E há pessoas que se decidem por ter inseguranças, medos e incertezas. Cada um decide qual a resposta que vai querer escolher.

E se de repente se juntar ao conceito “Se correr o bicho pega, se ficar o bicho come, SE JUNTAR O BICHO FOGE!”?

Teríamos a receita perfeita de que a união faz a força, a união nos ajuda a vencer as nossas dificuldades e até parecemos mais, que afinal todos cometemos erros, e que as soluções até nos parecem mais fáceis em conjunto.

Diríamos que juntos poderíamos passear num balão de ar quente e divagar, navegar, criar laços mais fortes, e chegarmos mais alto, tão alto quanto a força da nossa vontade.

Não fiques aí a criticar e a arranjar responsáveis não fiques aí a inventar desculpas, vem connosco, embarca neste balão porque a Vila vai trazer neste Carnaval, mais uma viagem onde só embarca quem é humilde, onde só embarcam os corajosos.

Ana Cruz

Município de Sesimbra © 2015-2018 | Todos os direitos reservados