Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C
Depois
Depois
Máx C
Mín C

Cinema aos domingos à noite

Rocketman taron egerton hom 1 1024 2500

Em agosto, as noites de domingo continuam a ser preenchidas com cinema no Cineteatro Municipal. O cartaz arranca com o intemporal O Carteiro de Pablo Neruda, um tributo ao amor que marcou toda uma geração, numa versão restaurada.

Na semana seguinte, é exibido Rocketman, sobre o extremamente talentoso, mas muito tímido, pianista prodígio Reginald Dwight, que muda o seu nome para Elton John e torna-se uma estrela da música de renome internacional.

Depois segue-se o documentário A Violação de Recy Taylor, uma jovem mãe afro-americana de 24 anos violada por seis homens brancos. A ativista Rosa Parks dá início a uma investigação e tem um importante papel na tentativa de se conseguir justiça. Este momento, apesar de trágico, foi mais um passo na conquista da igualdade de direitos.

Para terminar, a sala apresenta Cafarnaum, sobre o processo levado a tribunal pelo jovem libanês Zain, de 12 anos, que decidiu processar os pais por o terem trazido ao mundo sem terem condições emocionais ou económicas para cuidar dele.

O bilhete custa 3,5 euros.

Programa

dia 4 | dom | 21.30h
O CARTEIRO DE PABLO NERUDA
de Michael Radford e Massimo Troisi, com Linda Moretti, Maria Grazia Cucinotta, Massimo Troisi e Philippe Noiret. Drama, Romance. ITA/BEL/FRA; 1994; 116 min.; M/12
Baseada no livro Il Postino, de Antonio Skármeta, esta longa-metragem conta a história da amizade entre o conhecido diplomata e poeta chileno Pablo Neruda, forçado ao exílio pelo seu país e acolhido pelo governo italiano, fixando-se na famosa ilha de Capri, e o seu carteiro, Mário, um homem simples e quase analfabeto, que pretende conquistar o coração de Beatrice, a mulher mais bonita da cidade, com poesia. Mário ganha lentamente a confiança de Neruda e entre ambos desenvolve-se uma improvável amizade. Enquanto o carteiro aprende que para escrever poemas
basta deambular pela praia, onde as metáforas lhe ocorrem naturalmente, Neruda descobre a grandeza dos homens, que apesar de simples dão a vida pela revolução. Uma versão restaurada para celebrar o 25.º aniversário do filme, um tributo ao amor que marcou toda uma geração.

dia 11 | dom | 21.30h
ROCKETMAN
de Dexter Fletcher, com Bryce Dallas Howard, Richard Madden, Taron Egerton e Jamie Bell. Biografia, Drama, Musical; EUA/GB; 2019; 121 min.; M/16
Extremamente talentoso, mas muito tímido, o pianista prodígio Reginald Dwight muda o seu nome para Elton John e torna-se uma estrela da música de renome internacional durante os anos 1970. A história acompanha-o desde os tempos em que ainda criança encantava os professores da Royal Academy of Music, uma das instituições musicais mais respeitadas do Reino Unido, até à sua consagração como estrela internacional. O espectador segue a sua parceria e amizade de décadas com o também compositor Bernie Taupin, a luta contra a depressão, o abuso de drogas e as dificuldades na aceitação da sua própria homossexualidade.

dia 18 | dom | 21.30h
A VIOLAÇÃO DE RECY TAYLOR
de Nancy Buirski, com Cynthia Erivo, Recy Taylor e Robert Corbitt. Documentário; EUA; 2017; 91 min.; M/12
A 3 de setembro de 1944, no Alabama, a jovem mãe afro-americana Recy Taylor, 24 anos, é violada por seis homens brancos. Decidida a fazer justiça, faz algo incomum naquela época e denuncia os seus violadores. Apesar da identificação e confissão do crime, os seis homens não são incriminados. A ativista Rosa Parks dá início a uma investigação e tem um importante papel na tentativa de se conseguir justiça. Este momento,
apesar de trágico, foi mais um passo em direção à igualdade de direitos. Com imagens de arquivo, a realizadora Nancy Buirski foca-se, uma vez mais, sobre um caso polémico de uma época de grande segregação racial nos Estados Unidos.

dia 25 | dom | 21.30h
CAFARNAUM
de Nadine Labaki, com Zain Al Rafeea, Yordanos Shiferaw e Boluwatife Treasure Bankole. Drama; EUA/Líbano; 2019; 121 min.; M/12
Em tribunal, decidido a processar os próprios pais, Zain, 12 anos, pergunta por que é que eles o trouxeram ao mundo se não tinham condições emocionais ou económicas para cuidar dele. Em retrospetiva, num cenário de devastação e pobreza algures no Líbano, é revelada a sua história e as razões que o trouxeram ali. Um filme dramático nomeado para o Óscar de Melhor Filme Estrangeiro com assinatura da realizadora libanesa Nadine Labaki. Em competição pela Palma de Ouro no Festival de Cinema de Cannes, mereceu uma ovação de pé e o Prémio do Júri.

2019/08/02

Município de Sesimbra © 2015-2018 | Todos os direitos reservados