Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C
Depois
Depois
Máx C
Mín C

Vencedores do Campeonato Nacional de Fotografia Subaquática serão conhecidos em Sesimbra

Campeonato fotografia subaquatica 1 1024 2500

Alguns dos melhores fotógrafos nacionais, entre os quais Rui Bernardo, que tem no currículo um vasto conjunto de títulos, entre os quais o de Campeão do Mundo 2019, na categoria Macro, e várias medalhas em campeonatos do mundo e da Europa, e Luís Campos, vencedor do Campeonato Nacional de Fotografia Subaquática, em 2019, em Porto Santo, marcaram presença no 29.º Campeonato Nacional de Fotografia Subaquática, que se realizou nos dias 10 e 11 de outubro, em Sesimbra.

A prova disputou-se nas categorias de Grande Angular, Grande Angular com Mergulhador, Macro e Peixe, e percorreu alguns dos spots de mergulho mais conhecidos da costa entre a Arrábida e o Cabo Espichel, como os destroços do navio afundado River Gurara, a Ponta da Passagem, a Marca das Três Milhas ou a Pedra do Leão, e voltou a revelar a toda beleza da costa de Sesimbra, como refere Filomena Sá Pinto, da Federação Portuguesa de Atividades Subaquáticas, que organizou a prova, com o apoio da Câmara Municipal.

«Sesimbra é o melhor local em Portugal para se fazer mergulho durante todo o ano devido às boas condições do mar e temperatura da água. Mas, para além disso, vemos com muita satisfação que tem cada vez mais biodiversidade, cor e vida marinha, incluindo as luminárias, que quase tinham desaparecido e hoje existem em cada vez mais zonas», adiantou a representante da FPAS, que também destacou o envolvimento da Câmara Municipal de Sesimbra.

«A autarquia sesimbrense tem sido inexcedível no apoio que nos deu nesta, mas também noutras provas que realizámos em anos anteriores, o que é revelador da importância que atribui ao mergulho como um fator de divulgação de Sesimbra e de diminuição da sazonalidade, uma vez que esta modalidade atrai milhares de praticantes todo o ano», sublinhou.

Em relação aos trabalhos a concurso, Filomena Sá Pinto adianta que estão a ser avaliados por um júri internacional conceituado, e que os vencedores serão conhecidos no próximo dia 17, sábado, às 20 horas, na cerimónia de entrega dos troféus, a realizar na Fortaleza de Santiago, mas que, devido à pandemia de COVID-19, não estará aberta ao público.

Porém, deixa desde já uma certeza: «Vão surpreender pela qualidade das imagens, pelo talento dos participantes e pela vida existente do fundo do mar de Sesimbra».

2020/10/14

Município de Sesimbra © 2015-2020 | Todos os direitos reservados